Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para busca 3 Ir para rodapé 4
Acessibilidade 5 Alto contraste 6

Inácio desabafa mais uma vez sobre atitudes do Chefe do Executivo

Publicado em 06/11/2019 às 18:57 - Atualizado em 06/11/2019 às 18:59

Xaxim- Na semana que passou, dia 30, o presidente do Poder Legislativo Xaxinense, Inácio Luiz Bracht, vereador Ledinho Curtarelli, vice-presidente do Legislativo e presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Xaxim, Lajeado Grande e Marema e do presidente do Sindicato das Carnes, Pedro Kalinoski estiveram reunidos com o  1º vice-presidente da Alfa, Cladis Furlanetto e o vice-presidente da Aurora Alimentos, Neivor Canton  além do prefeito de Xaxim, Lirio Dagort e o secretário de Administração, Melchior Berté para discutir a situação da Aurora Alimentos unidade de Xaxim.

         O vereador Inácio usou o espaço da tribuna na reunião de terça-feira, 05, para falar sobre o encontro, que infelizmente se tornou constrangedor em função das atitudes do Chefe do Poder Executivo. Bracht comentou que não bastasse ter chegado atrasado, o mesmo não poupou acusações à empresa. “Ele disse a todos que estavam lá, que a Aurora traiu Xaxim, que  traiu a população e mais uma série de situações desagradáveis”, afirmou ele decepcionado com o posicionamento.

         Inácio disse que antes do prefeito chegar, a conversa estava andando de forma amigável e respeitosa, inclusive, ele mesmo explicou que o povo de Xaxim já estava sofrendo com a saída da empresa. Além disso, o comércio já sem clientes e a construção civil já estavam sentindo os reflexos da notícia da saída da Aurora Alimentos de Xaxim, haja vista que diminuiu drasticamente o pedido para financiamentos de edificações na Caixa Econômica. “O que nós conseguimos de uma forma, contornar a situação, o prefeito jogou por água abaixo”, declarou o presidente, pois os dirigentes da Cooperativa Aurora e da Alfa estavam prontos a deixar a reunião.

         Mesmo com toda a situação, o presidente do Legislativo conseguiu amenizar o caso, inclusive, que os dirigentes pensassem na situação drástica do município de Xaxim, tendo em vista o desemprego e renda e que revessem a possibilidade, pelo menos, da prorrogação de aluguel dessa unidade por mais tempo. A partir desse momento falou-se em aguardar a decisão da Massa Falida quanto a nova avaliação dos valores dessa unidade de Xaxim e também da possibilidade de prorrogar então a permanência dessa unidade no município por mais dois ou três anos.

Inácio também solicitou se a Aurora realmente saísse, se pudessem instalar uma outra filial de outro ramo de atividade para compensar a saída da unidade do frigorifico. Pois a empresa Aurora, sabe-se bem, que é uma das empresas mais amadas do Brasil e também empresa que trata seus funcionários exemplarmente e a recíproca é verdadeira.

Mesmo assim, o presidente Inácio declarou que a luta continua e que as esperanças de que a empresa Aurora realmente chegue em consenso com a Massa Falida e que permaneça no nosso município. Isso seria o melhor que poderia acontecer para o município e a população e principalmente com a permanência de mais de dois mil empregos e renda e que Xaxim pudesse continuar a usufruir dos benefícios que a Aurora oferece.

         O vereador Ledinho que acompanhou a reunião, disse que já esteve envolvido em três situações como esta, porém, deixou bem claro que quem precisa do Frigorifico funcionando é Xaxim. Mas,  tratar as pessoas com desrespeito não irá adiantar só prejudica mais ainda as negociações.  

 

Empresa Rodoil em Xaxim 

         Outro assunto destacado pelo vereador Inácio durante o uso da tribuna na reunião de terça-feira, 05 foi sobre a instalação da empresa Rodoil no município. Informações extraoficiais que repassaram à população é que ela renderia em impostos, milhões por ano, contudo, a informação correta é de que ela rende o montante em torno de  R$ 16 milhões em dez anos.

Inácio disse que teve muito “alvoroço e falácias”  que o Legislativo não queria aprovar o financiamento para aquisição da área de terra para doação à empresa, jogando a culpa para cima dos vereadores, discordou o presidente. O presidente enalteceu que com frequência, os vereadores recebem empresários que têm intenção de se instalar em Xaxim, a exemplo, da empresa que deve se instalar em breve na Linha Rondinha, com faturamento  em torno de R$ 10 milhões nos primeiros anos podendo chegar a R$ 20 milhões ou mais em sete ou oito anos. O Legislativo está sempre preocupado e em busca para trazer mais empresas para o município.  

Conforme o presidente  mencionou em tribuna, que todas as empresas  precisam ser tratadas de forma igualitária e com princípio de Isonomia, ou seja, a igualdade de direitos deveria ser estendido a todas as empresas já existentes no município que queiram se instalar, inclusive com doação de áreas e incentivo fiscal, pois muitas empresas estão solicitando terrenos maiores para poderem ampliar sua produção e consequentemente aumentar a geração de emprego e renda no município.  

Galeria

  • {{galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
  • {{galeriaMultimidia.length + galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
Fechar

Parlamentares Relacionados